Comprando no Ebay: pincéis de maquiagem

comprar-pincéis-no-ebay

 

Um dos itens de maquiagem que mais gosto de comprar são pincéis. Primeiro porque sinto a (enorme) diferença que um bom pincel faz no resultado da maquiagem, mas também pelo prazer de testar mesmo! Adoro descobrir novos pincéis, testar novas funções para os antigos, enfim, brincar!

E daí que dia desses resolvi unir meu amor por essas ferramentas com uma outra mania: o Ebay! Gente, dá pra achar de tudo e por todo preço ali. Pode pesquisar. Provavelmente esse item aí que você está pensando em comprar, eles tem pra vender.

Claro, existem riscos, por isso é sempre bom aprender a comprar por lá antes de se aventurar.

Como já tenho uma boa quantidade (atenção, eu disse uma boa quantidade e não quantidade suficiente!) de pincéis, resolvi começar com uma seleção pequena e de formatos que uso muito na minha rotina de maquiagem. Minhas escolhas:

 

pincéis-no-ebay-2

 

1. Kabuki Retrátil: um dos primeiros pincéis que comprei lááááááá no início da minha coleção e um dos que mais uso até hoje é o kabuki retrátil da Sigma. Ele é excelente pra aplicar base em pó, mas funciona também pra blush, contorno e até para o iluminador! Como a Sigma não vende mais a sua versão, resolvi testar a do Ebay. Ele é bom, mas muito menos denso do que o irmão americano e por isso, funciona mais para aplicar pó finalizador do que base em pó.  De qualquer modo, levo na bolsa e uso para retoques. Paguei $2,56. Aprovado!

2. Pincel cônico: comprei esse pincel com a intenção de usá-lo para a aplicar corretivo nas olheiras. Poucas marcas tem pincéis sintéticos com a ponta afunilada, por isso resolvi arriscar. Sinceramente, acho que não vale a pena.  Ele faz o serviço, mas não muito melhor do que um pincel tradicional de base faria.  Acabei encontrando outros usos para ele, como aplicar produtos de contorno em creme, mas não compraria de novo.  De qualquer modo, continuo investigando utilidades para ele. Quer me sugerir alguma? Paguei $1,17.

3. Pincel para esfumar: amo um bom pincel esfumador! Como tenho pálpebra gordinha, gasto um bom tempo no processo de recriar o côncavo que “deveria estar ali mas o olho escondeu”. Esse pincel é razoável, mas muito mole. Prefiro o E25 da Sigma ou o pincel para olhos da Avon (que aliás, funciona pra fazer um olho completo! Recomendo demais!). Já o do Ebay, só uso como última opção.  Paguei $2,48.

4. Pincel lápis: esse foi o que menos gostei. Se o esfumador é muito mole, esse é de uma dureza que chega a irritar a pele. Ao mesmo tempo, as cerdas são compridas demais, então não funciona bem para aplicar sombra abaixo dos olhos ou esfumar delineador, que era o que eu pretendia fazer com ele.  Paguei $1,51. 100% Fail

No final das contas, essa minha primeira compra de pincéis no Ebay não foi muito proveitosa.  Ainda assim, gastei menos de 8 dólares e tenho pelo menos um pincel que entrou na rotina diária e que me atende bem. Agora estou de olho em pincéis de cabo curto, para levar em viagens! #viciada

Aliás, aceito dicas de quem já se aventurou por lá!

 

*:  Todos os pincéis foram comprados com essa vendedora aqui.

Natal de giz

Sempre gostei de Natal…e, especialmente, sempre amei decoração de Natal! Deve ser porque minha família é bem grande e costumávamos ter festas incríveis com direito a tio vestido de Papai Noel, árvores enormes na casa da avó, muita luzinha piscando nas janelas e botinhas com nossos nomes penduradas na parede (porque, né, lareira não rolava)! Ou pode ser só porque faço aniversário no dia 26, o que faz de dezembro o  mês mais festivo do ano!

(Eu sei o que você está pensando. Não, eu não ganho um único presente.  Tenho irmãos que fazem aniversário longe da data e por isso meus pais nunca fizeram tamanha maldade comigo! Rsrs) 

Mas voltando ao assunto do post…Como adoro decorar a casa para o natal,  desde o primeiro ano em passei a data no meu próprio lar doce lar, saí literalmente correndo em busca de itens para compor a decoração do apartamento.  Adoro o aconchego que luzinhas e guirlandas coloridas trazem para o ambiente.

Acontece que depois de quatro anos com a mesma e tradicional árvore, estou em busca de opções de decoração mais interessantes. O combo pinheiro, bolinhas e ornamentos não me parece muito satisfatório.  Pesquisando por alternativas – e como aqui em casa temos uma porta pintada de modo a imitar um quadro negro –  fiquei tentada a desenhar minha própria árvore.

Separei algumas opções que encontrei pela internet. Não sei se dá pra substituir o modelo tradicional e com certeza não vou resistir a pelo menos iluminar algum canto da casa com luzinhas pisca-pisca, mas acho fofa a ideia do giz.

Olha só:

15-Tree

Estou tomando coragem para tentar essa aí de cima. Não tenho quase nenhum talento para o desenho, mas como não é difícil apagar, estou pensando em separar um dia e me arriscar. Se der certo, volto aqui pra mostrar minha obra!

Se a falta de coordenação vencer, fico com algo mais simples, mas ainda assim festivo. Ó:

chalkboard_christmas_joy_tree_invitation-r02b833784d774c948b1097f419ecd649_imtzy_8byvr_324

f18e322d59211d0ab21df818f2c9d518

Gostei também de alguns projetos menores, que dá inclusive pra fazer num quadro negro desses que a gente compra pra crianças. Pode ser uma boa alternativa para decorar outros ambientes, além do cômodo “principal”. (Só eu acho sem graça decorar apenas a sala de casa?)

chalkboard_christmas_wishes_ornament-r3c8a32e658954c3081c2babe2e4156f5_x7s2y_8byvr_512

il_340x270.519292809_kq67

Tem muito mais pela web. Vale dar um google. As opções aqui do post estão neste, neste, neste, neste e neste link.

E aí? Qual é o seu projeto de decor para o Natal?

Maquiagem no Youtube: Sharon Farrell

Não me lembro exatamente como descobri os blogs e vídeos de beleza na Internet. O que sei, para demonstrar o nível de vício, é que hoje quase não ligo a TV, mas vejo, todos os dias, pelo menos uma menina do outro lado do mundo aplicando maquiagem em frente a uma câmera. Para mim já é uma distração, diversão mesmo. (Vai entender…)

A coisa, entretanto, não é tão inútil quanto parece. Dá pra aprender bastante. Eu, que há alguns anos não fazia nada além de passar batom, sei me virar para qualquer ocasião e acabo ainda ajudando as amigas quando o assunto são pincéis e sombras!

Por tudo isso, decidi mostrar aqui no Editoria algumas das minhas vloggers preferidas. A Anna, do Funny Makeup, já faz posts assim há algum tempo e como eu adoro lê-los, decidi compartilhar meus interesses também!

Pretendo ainda reunir vídeos que condensam o básico da maquiagem, suficientes para quem quer apenas saber se arrumar para o dia a dia. Agora, o risco de viciar existe, ok? Só avisando…

Claro que a primeira maquiadora a ser citada seria a Sharon Farrell. Ela é irlandesa, vive na Austrália, já trabalhou na MAC e é super divertida. É uma das que assisto mesmo que seja só para me distrair.  O mais incrível, entretanto, é a capacidade que ela tem de se transformar, de valorizar sua beleza. Veja só este e depois me conte:

Vale a pena fuçar o canal da Sharon.  Se bobear, só com o trabalho dela dá pra aprender quase tudo. De preparação de pele a como parecer um boneco de ventríloquo.  Pois é.

Pretendo separar algumas youtubers brasileiras também, para quem tem mais dificuldade no inglês. Mas é tranquilo de acompanhar as gringas. E mais uma vez, cuidado para não viciar, hein?

Respirando…

Essa ilustração, tão singela, me descreve como pouca coisa nestes últimos dias. Incrível como um movimento de “olhar para dentro” pode ser tão doloroso e tão transformador.  Bom é saber que sempre há oportunidade de mudar, e sempre há quem nos aguarde de braços abertos.

79510cbb0c1c6543c7c10df5a220f43f

Que a semana que começa nos leve, de fato, adiante.

Fonte: Pinterest

Fora daqui: Yahoo Rede de Contribuidores

A partir de agora, vez ou outra meus textos vão aparecer no site do Yahoo. Isso porque me inscrevi no programa de Contribuidores, que é super bacana para quem tem interesse em produzir conteúdo, divulgar seu nome e ainda ganhar uma graninha. Interessada (o)? Então corre lá e veja se é pra você.

Minha primeira matéria foi super divertida de fazer. Falei sobre Alongamento de Cílios, técnica feita em salão, tipo um implante mesmo, só que temporário. Pode parecer bobo, mas pensa alguém que tem cílios super curtinhos, ou mega claros? Enfim, tudo tem seu público. Vai lá e se puder, deixe sua opinião.

 Imagem

Foto: Pinterest/Tumblr

Entre na linha!

Seguindo a mesma proposta do post Base Forte, que você viu por aqui na semana passada, a ideia hoje é falar sobre os diferentes acabamentos disponíveis no mercado para um produto que também é da família “sua-maquiagem-mais-bem-acabada-ou-o-dinheiro-de-volta”: o delineador. Traçar uma linha rente à base dos cílios molda o olhar, destaca o colorido das sombras e ainda faz parecer que temos mais pestanas. Só no truque!

Veja quais são os acabamentos mais comuns, mas antes, um conselho: como há opções baratas de todos eles no mercado, não tenha medo de experimentar um de cada e praticar, praticar, praticar. A cada delineada, seu traço fica mai firme e a brincadeira, mais fácil.

delineadores com texto

Líquido: primeira opção quando se pensa no delineado, é líquido (dã!) e costuma vir com aplicador. Pela consistência fluida, não é dos mais fáceis de passar para as simples mortais. O acabamento, entretanto, é lindo e quando a técnica está dominada, vale o esforço. Não desista!

Caneta: delineador líquido também, mas ao invés de vir em um tubinho, tem o formato de caneta, que facilita bastante a aplicação. Para mim, é o mais simples de usar. É a opção queridinha do momento e por isso quase toda marca está lançando o seu. No Brasil, dê uma chance para o de O Boticário.

Gel (pasta): amado pelos experts, é um “creme” mais durinho, perfeito para traços elaborados. Se você quer fazer o famoso delineado gatinho, vá com ele. Necessita de um pincel para ser aplicado, dura bastante e pode ser usado como base cremosa para sombras.

Lápis: tradicionalíssimo, o lápis serve sim para delinear e ainda faz bonito na hora de pintar a linha d’água. Basta mantê-lo bem apontado e escolher um de longa duração. Só é importante investir em um produto de boa qualidade. Um lápis macio permite o controle preciso do traço. De nada adianta economizar e se machucar com um produto seco…

Sombra: quem está começando no mundo das linhas tem na sombra um artifício para treinar sem muita preocupação com erros. Pegue o seu pincel, umedeça-o e use a sombra como delineador. É uma opção perfeita para satisfazer a vontade de um delineado turquesa para um make especial, sem precisar quebrar a banca para comprar um produto que vai ser tão pouco usado.

delineado montagem

O tipo de traço a fazer é todo um outro assunto, que terá em breve o seu post. Mas a melhor maneira de descobrir é, como sempre, perder o medo, pegar as ferramentas e se arriscar. Entre na linha!

Sorrindo só

Dia desses entrei num consultório médico que, certamente, acumulava o maior número de pessoas emburradas por metro quadrado em Belo Horizonte. E como se tratava de uma clínica dermatológica, logo me veio a pergunta: será mesmo então que sorrir causa rugas?

Caso sim, desejo ardentemente que elas venham! Estou pronta para os pés de galinha resultantes de um “bom dia” amistoso, os vincos gerados pelas risadas no trabalho e o bigode chinês após um encontro com os amigos. Nada como as marcas de ser alegre.

Pode haver um zilhão de motivos para se estar triste ou sisudo e todos tem direito a isso. Mas não se pode negar o impacto de uma má recepção. É como um vento que gela a espinha e nos desconcerta.  E se há motivo para se estar triste, outros tantos há para tentar um sorriso pra quem chega sem culpa na sua rotina, esperando ser convidado a compartilhar com você, até mesmo a chatice de uma espera.

Nessa tarde de caras fechadas, fiquei sem graça com a falta de graça alheia e corri para o cafezinho, a água, a caneta e estas palavras. Ao mesmo tempo, observava os presentes e imaginava-os em situações risíveis, como o dia de ouvir pela enésima vez a piada sem graça do cunhado, o tombo que não machuca e as brincadeiras dos namorados. Era até divertido, imaginar seus rostos franzidos se desfazendo num sorriso mole, que antecede a risada a plenos pulmões, daquelas que lavam a alma.

Foi assim que ali, aos poucos, eu mesma fui desfazendo a nuvem preta que havia encontrado e acabei me dando conta de uma coisa importante:  é possível plantar sorrisos, mesmo que desenhados pela boa vontade.

Base Forte

Usar base na maquiagem pode ser a chave para um resultado duradouro e natural

O nome não é sem motivo. A base é uma espécie de fundação – em inglês o nome é esse,  foundation –  para os demais passos da maquiagem. Ela pode ser líquida, cremosa ou em pó e vai funcionar como um “apagador”, minimizando as imperfeições da pele e oferecendo uma superfície homogênea para a aplicação de blush, iluminador, sombras e cia.

No Brasil, talvez pelo calor excessivo ou pela falta de hábito em usar maquiagem no dia a dia, muitas mulheres abrem mão da base, acreditando que o produto torna a aparência carregada e artificial. A verdade é que, se bem aplicada, a base dá ao rosto um visual leve, prolonga a duração da maquiagem e em alguns casos, até funciona como um tratamento.   Basta saber escolher o produto ideal para cada necessidade. E há muita opção!

Líquida: opção clássica e imbatível para quem precisa garantir que a base vai corrigir imperfeições na pele e vai permanecer no lugar por longas horas. Entre as líquidas, há ainda as com mais ou menos cobertura, com propriedades hidratantes ou matificantes, iluminadoras ou opacas. Atualmente, quase toda empresa tem a sua opção sonho de consumo no universo das bases: boa cobertura, sensação natural e duração fantástica. E vai, testar várias até descobrir a sua também faz parte da diversão!

Cremosa: opção com altíssima cobertura, boa pra quem trabalha em frente às câmeras e precisa de uma aparência impecável. Funciona também para ocasiões especiais. No dia a dia e na luz natural, é preciso cuidado extra para não parecer que você é de cera. Não é muito recomendada para peles oleosas e pode obstruir os poros.

: É a versão campeã no quesito praticidade. Perfeita para levar na bolsa e retocar ao longo do dia, oferece média cobertura e razoável duração. As minerais ganham pontos extras porque atendem bem as peles mais sensíveis. Também podem ser usadas sobre bases líquidas para garantir uma cobertura ainda mais alta e durabilidade idem.

BB Cream: as funções do BB Cream são muitas e valem um post exclusivo (que tal?), mas por agora, vamos dizer que ele é uma base de cobertura leve e que também já entrega a proteção solar e a hidratação necessárias para o dia a dia. Perfeito para apressadas e para quem quer só uma leve correção.

Primer: tá, ele não é exatamente uma base. Mas pode cumprir o papel de preparador para quem já tem pele boa e só precisa garantir um rosto sequinho e com o rosado do blush durando o dia todo.

E lembre-se: se você decidiu utilizar a base, pode pegar mais leve no pó. Ele deve ser aplicado com delicadeza, apenas para dar acabamento à maquiagem. Vá devagar!

 Image

 

*: é claro que há ainda mais opções (como a base em mousse) e entre cada tipo, um zilhão de possibilidades. A ideia aqui foi falar do básico, fácil de encontrar em todo lugar.

Project 10 Pan

Se há algum tempo, não muito, alguém dissesse aqui em casa que eu seria uma viciada em maquiagem, que usaria sombra e blush praticamente todos os dias, acho que a família inteira não acreditaria. Sempre fiz mais o tipo “só penso em estudar”, “escolho roupa só se for pelo conforto” e por aí ia a falta de graça.

De uns anos pra cá, entretanto, comecei a brincar de boneca comigo mesma! Lendo sobre maquiagem e adorando o efeito que um ou outro produto provocava, o namoro com o mundo da beleza virou casamento e hoje sou enlouquecidamente interessada no assunto, do tipo que dá conselho para as amigas e sempre ajuda na compra de novidades.

Bom, essa pequena história pra dizer que venho mantendo uma singela coleção de produtos…Não adianta, por mais que eu já tenha o básico, descobrir coisas novas e testar acabamentos é uma verdadeira diversão pra mim.

E aí vem o assunto do post. Está na hora de me concentrar em alguns itens que estão ou encalhados ou precisando acabar mesmo. E como a Tânia Hlebetz, autora de um dos meus blogs preferidos sobre beleza lançou o desafio, decidi participar do Project 10 Pan, que é basicamente usar com constância 10 produtos, até conseguir atingir o fundinho (Pan) da embalagem. Ela explica melhor, vai lá.

Escolhi os seguintes produtos:

Image

Studio fix powder foudation – Mac – quem não tem esse pó base, precisa. Cobertura ótima, fácil de usar e carregar por aí, é queridíssimo. Certeza de que vou comprar outro assim que esse acabar.

Pó compacto linha Leopar – Tracta – comprei porque a Marina Smith (outro blog tem que ler) falou que poderia ser um substituto nacional para a Studio fix. Não achei essa coca toda…É um bom pó, e olhe lá!

Diorskin Nude Natural Glow Hydrating Makeup – base líquida maravilhosa! Boa cobertura, mas de sensação leve no rosto. Duração bem boa na minha pele oleosa.

Maybelline Super Natural Sun – bronzer. Digno. Não tive muitos, então não sei dizer se é incrível, mas cumpre o papel.

Sheertone Blush – cor Breath of Plum – Mac – o tom é lindo, mas acho que por ser sheertone, a duração deixa a desejar. Quando acabar quero experimentar os blushes assados da marca.

Maybelline Dream Mousse Blush – compra total por impulso. É bonito, mas tem muito brilho para o meu gosto. Estou tentando usar como base para blushes opacos.

Sombra na cor Chocolate Maybelline – velha de dar dó…precisa acabar!

Lápis delineador para sobrancelhas universal – Koloss – tento acreditar que preciso dar uma preenchida nas sobrancelhas, mas a preguiça aí ainda impera! Tá no projeto para que eu inclua esse passo na minha rotina.

Primer  Facial Koloss – é bom sabia?! Mas tá velhinho…também precisa acabar de vez!

Too Faced Shadow Insurance – primer para olhos. Acho muito muito bom, igual ou melhor do que o Primer Potion da Urban Decay. Mas prefiro sombras em creme!

Aproveitando….

Image

Como percebi que meu projeto incluía quase todos os produtos que preciso para um make completo, decidi incluir como possibilidade o batom da Maybelline na cor 450 Natural Pink Beige e o gloss da ArtDeco que recebi na minha época – fail – de Glossybox. Os dois são curingas, mas estão enconstados. Vai ser bom colocá-los na roda também.

Ufa..é isso. Estou empolgadíssima para o projeto e pensando em postar alguns makes feitos só com os produtos do desafio. Que tal?

Ah, e quem quiser acompanhar, claro, é muito bem vindo (a)!

Espelho falante

Eu não consigo te ver sempre,
por isso corro dos convites.
Te pareço um bicho do mato,
mas ver você é terapêutico demais.

Assim que entra já revela algo novo,
já percebe o meu momento
e as fugas que ainda realizo
sem roupa é pouco, é de alma nua que me sinto.

Engraçado que faço um esforço tremendo pra te entender,
te acho complexa e enigmática.
Você, ao contrário, me vê num átimo e me joga na cara
a simplicidade dos meus desencontros, que nem eu mesma sei nomear.

Amiga, eu te amo,
Mas te peço que demore mais pra voltar.

homenagem velha, velha, mas nunca revelada…fica aqui, para minha querida recém balzaquiana!

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: